por Dra. Giovanna Guarinello | 30/03/2021 em Varizes

Entendendo a ablação endovenosa.

As varizes afetam entre 30% e 40% da população adulta. Tratam-se de vasos superficiais tortuosos, dilatados ou alongados, geralmente vistos nas pernas e coxas. As veias varicosas incham e sobem acima da superfície da pele. Podem se tornar desconfortáveis ​​e resultar em inchaço das pernas.

Se não forem tratadas, as veias varicosas podem causar problemas médicos mais graves, como flebite (inchaço e inflamação de uma veia) ou úlceras nas pernas.

A ablação endovenosa é um tratamento para o fechamento da veia safena, que normalmente é a principal veia superficial associada às veias varicosas. Esse tratamento pode ser realizado com tecnologia a laser ou de radiofrequência.

Muitos perguntam como a ablação endovenosa é realizada e o que acontece com a veia varicosa durante o tratamento. No procedimento, um fino cateter (tubo flexível) é inserido na veia por meio de uma minúscula punção na pele, e toda a extensão das paredes da veia são tratadas com o laser ou radiofrequência. Isso faz com que as veias se fechem e, eventualmente, se transformem em tecido cicatricial.

Importante ressaltar que a termoablação é um tratamento exclusivo das veias safenas. As varizes visíveis podem então ser retiradas com cirurgia ou espuma. A principal vantagem do tratamento de veia safena com ablação é o retorno precoce às atividades diárias, assim com menor dor e hematoma no pós-operatório.

Para marcar uma consulta com a angiologista e cirurgiã vascular Dra. Giovanna Guarinello em Curitiba-PR, basta ligar ou mandar um Whats para (41) 99152-2071.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Marque a sua consulta

Preencha o formulário e entraremos em contato com você.

Comece uma conversa

Cadastre-se para começar uma conversa no WhatsApp

A nossa equipe responde rapidamente de segunda a sexta-feira, das 8h as 19h.